Caso Mariana – julgamento é adiado mais uma vez

Julgamento é adiado

O julgamento foi remarcado para o dia 30 de junho, devido ao abandono do advogado de defesa do réu, Lucas Porto. O juiz concedeu o prazo de 10 dias para o réu constituir novo advogado e, caso não faça isso, será designado um defensor público para fazer a defesa do acusado no júri em data a ser marcada.

Pesquisar
Publicidade

Arquivos

Copyright © 2021 – Todos os Direitos Reservados | Desenvolvido Por: JOERI