Encontre-nos nas redes sociais

Notícias

Governo Bolsonaro faz leilão do Porto do Itaqui e vereador chama atenção para secretaria portuária

Vereador Álvaro Pires ratifica a importância da criação da SEMIPE em São Luís

Vereador Álvaro Pires volta a discutir a criação da Secretaria de Portos de São Luís

Entre os dias 7 e 9 de abril, o Governo Federal realiza uma série de leilões de aeroportos, portos e ferrovia. Chamada de “Infra Week”, a expectativa é arrecadar R$ 10 bilhões em investimentos privados com as concessões. Estão na lista 22 aeroportos, entre eles, o de São Luís. Marechal Hugo da Cunha Machado. Também serão leiloados quatro terminais portuários que ficam na região do Porto do Itaqui.

O vereador Álvaro Pires pontua que o Projeto de Lei de sua autoria, que cria a Secretaria Municipal de Indústria Portos e Energia de São Luís – SEMIPE vai ao encontro das privatizações que vão ocorrer nesta semana na região portuária do Porto do Itaqui. “São Luís não pode e nem deve ficar de fora destas discussões – são empregos, benefícios fiscais, geração de renda de desenvolvimento de de nossa Capital do Maranhão”, pontuou o vereador.

Segundo o vereador, a municipalização da região portuária vai alavancar a geração de emprego e renda, aumento de arrecadação municipal e gerar oportunidade de grandes investimentos.

“Venho levantando esta discussão antes mesmo de assumir o mandato de vereador na Câmara Municipal de São Luís. Apenas o Porto do Itaqui, atualmente administrado pela Empresa Maranhense de Administração Portuária – EMAP, movimentou no ano passado (2020), quase 30 milhões de toneladas de produtos entre soja, milho, celulose e fertilizantes. O Porto da Madeira – PDM de propriedade privada da Vale, por sua vez, exporta mais de 200 milhões de toneladas de minério de ferro / ano, com  a característica de ser um dos dois únicos portos do mundo a receber navios com 23 metros de calado, precisamos urgentemente tomara a frente desta discussão”, garante o vereador.

Copyright © 2020 - Observatório da Blogosfera - Todos os Direitos Reservados.