Encontre-nos nas redes sociais

Notícias

MPF “partidarizou” denúncia contra Glenn Grenwald

MPF viu o que a severa investigação da PF não viu – evidências de participação de Glenn nos vazamentos das conversas criminosas de membros da Lava jato 

Diálogos criminosos entre membros da Lava jato vieram à tona após divulgações de Glenn Grenwald

A absurda denúncia apresentada nesta terça-feira (21), pelo Ministério Público Federal  – MPF contra o jornalista Glenn Greenwald, do site The Intercept, tem como fundamentação um relatório da Polícia Federal que DESCARTOU haver evidências e indícios da participação de Glenn no “hackeamento” de contas do aplicativo Telegram, nas conversas criminosas de membros da Operação Lava Jato.

Mesmo sem sequer ter sido investigado, ou até mesmo indiciado nas severas investigações realizadas pela PF, estranhamente o MPF ofereceu denúncia contra Glenn, na operação Spoofing que deve ser arquivada pela justiça. Esta movimentação “partidária” do MPF apenas expõe mais ainda a pouca credibilidade que a população ainda tem pelo ministério público.

Glenn Greenwald esteve este tempo todo resguardado pela Constituição Federal, que garante a liberdade de imprensa e a ocultação asseguradamente da fonte. Estes fatos que ocorrem nestes tempos sombrios no Brasil, só nos levam a crer que os muitos desmandos que ainda estão por vir – muita censura, amarras contra jornalistas e todos aqueles que ousam expor a VERDADE.

O Ministério Público Federal esqueceu que de toda esta celeuma criado por ele, o que importa mesmo é: o conteúdo dos áudios divulgados por Glenn Grenwald.

Deixe seu comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2020 - Observatório da Blogosfera - Todos os Direitos Reservados.