Encontre-nos nas redes sociais

Coronavírus

Rússia já trabalhava há seis anos, desenvolvimento de vacinas contra tipos de Coronavírus

Vacinação em massa da população Russa deve começar na segunda quinzena de setembro

A vacinação em massa na Rússia, contra a covid-19 vai começar em até mês, disse neste domingo (16), o diretor do Centro Gamaleya de Microbiologia e Epidemiologia, Alexandr Ginzburg, que desenvolveu a primeira vacina Sputnik V, registrada no país contra a doença.

O cientista indicou que nos próximos sete ou dez dias terão início os estudos em que serão vacinadas dezenas de milhares de pessoas. Isso ocorre após o registo da preparação pelo Ministério da Saúde da Rússia.

“Aparentemente, o Departamento de Saúde de Moscou planeja incluir nessas dezenas de milhares de pessoas, médicos que trabalham na ‘zona vermelha’, onde tratam pacientes gravemente enfermos. E isso está completamente correto”, afirmou Alexandr Ginzburg.

Ele destacou ainda, que os estudos vão durar entre quatro e seis meses, mas isso não será obstáculo para o início da vacinação em massa da população, que, como declararam as autoridades do país , será voluntária.

“A vacinação em massa vai começar com algum atraso porque a maior parte das vacinas já produzidas serão utilizadas nos estudos. Depois, a outra produção irá para os cidadãos. O atraso pode ser de duas ou três semanas, talvez um mês”, explicou.

Copyright © 2020 - Observatório da Blogosfera - Todos os Direitos Reservados.